Nós somos o Lar Joana Angélica, uma ONG com a missão de promover políticas públicas para crianças e adolescentes, salvaguardando os direitos, oportunizando o desenvolvimento pessoal de mulheres em situação de vulnerabilidade social através do acesso a educação e cultura, formando agentes multiplicadores capazes de reeditar esta experiência em seus outros ambientes de convivência.

Quem somos

A ideia de fundar uma ONG Surgiu em 28 de abril 1999, através do Grupo NOITE FELIZ, projeto criado por 18 estudantes que haviam acabado de terminar um curso de teatro.

 

Neste projeto foram realizadas oficinas de teatro, artes plásticas, poesia e grafite com o objetivo de montar a peça teatral Natal Sem Lua, que ao final foi apresentada em algumas escolas comunitárias e creches das periferias de Salvador.

Essa mobilização resultou em articulações com o Movimento Hip-Hop de Salvador movimento este que focaliza e incentivam o protagonismo de jovens, desenvolvendo ações pela melhoria da qualidade de educação e por justiça social.

Desde sua formação histórica o bairro sofre um alojamento social e geográfico, criado como loteamento e invasão a partir do desmatamento de três fazendas existentes na área, o bairro é dividido em quatro regiões Derba, Boca da Mata, Nova Brasília e Lagoa da Paixão. Até o ano de 1969, o bairro fazia parte do município de Lauro de Freitas, o que fez com que a Valéria fosse incluída tardiamente no roteiro da cidade. Isso justifica a ausência da Valéria em mapas da cidade de Salvador anteriores ao ano de 1991.

Com vinte e dois anos de atuação no bairro, o Lar Joana Angélica já atendeu milhares de pessoas entre crianças, jovens e adultos, realizando diversos projetos artísticos, culturais, educacionais.

Nos últimos anos o Lar vem buscando ampliar suas possibilidades de parceiros e financiadores.

Juntamente com parcerias estrangeiras e brasileiras, sobrevivemos de projetos e financiamentos, possibilitando o atendimento direto a crianças, jovens e um grupo

oscilante de mulheres da comunidade que possui vínculo informal com a organização.

Atualmente nossos parceiros  são Project for People através do programa de apoio a distância financiado; SMED, CREAS, CESE, Unex, Colégio estadual Professora Noêmia Rêgo e Escola Municipal S. Francisco de Assis em Valéria.

Crianças, Jovens e Mulheres em situação de vulnerabilidade social em Salvador-Ba, na região do bairro de Valéria.

Público Alvo

Promover políticas públicas, salvaguardar direitos, oportunizando o desenvolvimento pessoal por meio da cultura.

Missão

Acreditamos que uma postura íntegra, honesta e transparente seja fundamental para estabelecermos a confiança com nossos apoiadores sejam eles públicos, privados ou do terceiro setor.

Transparência

Reconhecimento

Ao longo de duas décadas o Lar Joana Angélica obteve o reconhecimento da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia pelo seu trabalho de desenvolvimento cultural, proteção e promoção de direitos.